Produção

Sergipe atrai investimentos de mineradoras canadenses

O governador Marcelo Déda conheceu a plataforma de sondagem da empresa Rio Verde Minerals, em São Cristóvão. Único produtor de potássio do país, Sergipe atrai investimentos da mineradora canadense, que possui ativos do minério nos municípios de São Cristóvão, Capela, Nossa Senhora de Socorro e Aracaju. Durante a solenidade, Déda ressaltou que o estabelecimento da empresa ampliará a participação do estado na produção nacional de fertilizantes agrícolas.
“A produção de potássio potencializará nossa economia, fortalecerá a infraestrutura econômica do Estado e gerará mais emprego para os sergipanos. Além disso, criará as condições para ampliar nossa participação na produção de fertilizantes no Brasil, já que temos potássio e nitrogênio. O único elemento que importamos para as empresas fazerem o beneficiamento e venderem fertilizantes para o Brasil inteiro é o fosfato”, disse, Déda.
Atualmente, o Brasil produz 10% dos insumos utilizados no agronegócio e na agricultura familiar. A descoberta de novas minas de potássio em Sergipe reduzirá a dependência externa. “Não se produz alimentos sem fertilizantes e não podemos ficar vulneráveis nessa área. A única alternativa de curto prazo para reduzir a dependência externa de potássio é a Carnalita sergipana. Somos o único estado produtor de potássio, portanto, para aumentar a produção e garantir a segurança do agronegócio e da agricultura familiar no país, necessariamente tem que passar por Sergipe”, afirmou.

Correio de Sergipe, 10/12/2011