Produção

Acron aumenta produção de ácido nítrico em Veliky Novgorod

A Acron Group encomendou uma nova unidade de produção em Veliky, Novgorod, com capacidade de produção de 135 mil toneladas/ano de ácido nítrico. Esta é a segunda nova unidade em 2 anos; a primeira, com mesma capacidade, foi lançada no início de 2019.

A construção destas duas novas unidades faz parte da estratégia de desenvolvimento do Acron Group adotada em 2017, que pretende maximizar o uso do potencial de produção existente. Seu lançamento aumentou a produção de ácido nítrico do grupo em 270 mil toneladas/ano, para 1,8 milhão de toneladas/ano.

Novgorod GIAP (membro do Grupo Acron) projetou ambas as unidades: “Após o comissionamento da primeira unidade de ácido nítrico, atingimos uma produção recorde de nitrato de amônio e UAN. O lançamento da segunda unidade nos ajudará a impulsionar ainda mais a produção do grupo em produtos-chave, e expandir consideravelmente nosso portfólio de produtos”, disse Alexander Popov, presidente do Conselho de Administração da Acron.

Acron Group continuará aumentando sua produção de ácido nítrico em Veliky Novgorod. Uma terceira unidade de 135 mil toneladas/ano deverá ser lançada no final de 2019. O grupo arrecadará US$ 11 milhões adicionais para o projeto, elevando os investimentos totais nas três unidades de ácido nítrico para US$ 50 milhões.

O ácido nítrico é uma matéria prima para fertilizantes minerais, e a unidade em Veliky Novgorod começou a produzi-lo nos anos 1970. Com o lançamento de suas novas unidades de ácido nítrico, a Acron reduzirá seu consumo de amônia para a menor taxa entre instalações semelhantes na CEI. A unidade altamente eficiente possui turbina a gás GTU-8 e economizará mais de 4,3 milhões de m3 de gás natural por ano. Como benefício adicional, as caras redes de catalisadores precisarão ser substituídas apenas uma vez por ano, em vez das substituições semestrais, anteriormente necessárias.

Worldfertilizer 28/06/2019