Novas Tecnologias

Nova maneira para extração de potássio é desenvolvida na Índia

A empresa indiana SSP desenvolveu uma nova maneira de restaurar o potássio dos resíduos da indústria do álcool. Além dos benefícios óbvios do processamento de efluentes prejudiciais ao meio ambiente, a nova tecnologia permitirá que o país economize na importação de fertilizantes à base de potássio. Atualmente, a Índia está importando-os totalmente.

Segundo o chefe da empresa, Saibal Ghosh, a nova tecnologia permite a extração de até 34% de potássio durante o processamento inicial e 16% durante o processamento secundário. A pureza resultante do potássio é de 97%. Dado que geralmente o potássio usado nos fertilizantes é apenas 60% puro.

Hoje, a Índia produz até 4,5 bilhões de litros de etanol, gerando cerca de 3 milhões de toneladas de cinzas de caldeira. A empresa acredita que a nova tecnologia reduzirá a necessidade de potássio importado em 50%. Segundo estimativas preliminares, o custo de criação de uma planta capaz de processar até 60 toneladas de cinzas por dia será de cerca de 200 milhões de rúpias (US$ 2,7 milhões).

Fertilizer Daily, 05/03/2020

Fonte da imagem: Freepik