Negócios

Nova fábrica de fertilizantes em Bangladesh

A Agência Multilateral de Garantia de Investimentos concedeu US$ 357 milhões em garantias ao HSBC e ao Mitsubishi UFJ Financial Group em apoio à construção de uma nova fábrica de fertilizantes sob o projeto Ghorasal Polash, que custa US$ 1,3 bilhão. A fábrica será operada pelo estatal Indústrias Químicas de Bangladesh.

Após o comissionamento, a planta terá capacidade para 2,8 mil toneladas por dia e substituirá dois empreendimentos desatualizados. Consumindo tanto gás natural quanto os antigos, a nova fábrica mostra três vezes mais produtividade. Além disso, o custo de 1 tonelada de ureia produzida será US$ 140 menor do que o adquirido no exterior, o que permitirá que o país economize significativamente nas importações.

Também é prometido uma compatibilidade ambiental muito maior com a nova planta, o que reduzirá as emissões anuais de carbono em 433 mil toneladas. Será a primeira empresa do país a usar tecnologia de captura de carbono com capacidade para 240 toneladas de dióxido de carbono por dia. Por fim, o projeto de substituição de fábricas obsoletas e a subsequente construção de uma nova abrirão 2 mil novos empregos.

Fertilizer Daily, 17/03/2020

Fonte da Imagem: Freepik