Mercado

Yara pretende investir na produção de fosfatados na Serra do Salitre/MG

Governador Romeu Zema esteve na cidade para firmar parceria com a Yara do Brasil. Um protocolo de intenção para investimento de R$ 2,2 milhões da indústria de fertilizantes Yara do Brasil em Serra do Salitre foi assinado entre a empresa e o governo de Minas Gerais. 

Durante visita à região, o governador Romeu Zema (Novo) esteve na indústria para firmar a parceria de investimento adicional no complexo mineroindustrial do grupo. 

A estimativa é que a indústria receberá aportes da ordem de R$ 5 bilhões até 2021. Até o momento, R$ 2,8 bilhões já foram aplicados. Quando estiver em fase plena de operação, a geração de emprego será 1,2 mil colaboradores, entre diretos e indiretos. 

“É muito gratificante ver o setor privado investindo e acreditando em Minas Gerais. Precisamos de uma agricultura dinâmica, uma vez que o agronegócio é a grande vocação do Brasil. O país nos últimos 30 anos se transformou em um grande exportador de produtos agrícolas. Essa transformação é o que viabiliza o país”, falou Zema. 

Segundo informou o governo do Estado, o complexo é o principal projeto da empresa no Brasil. Além dessa operação no estado, a unidade misturadora da Yara, em Uberaba, representa 12% do volume distribuído pelo país, atendendo todo o território mineiro e parte de Goiás.  

A previsão é que cerca de 950 mil toneladas de fertilizantes fosfatados deixem de ser importados a partir da entrada em operação total do complexo. 

G1, 31/10/2020