Mercado

Relação de troca entre soja e insumos está favorável

A relação de troca da saca de soja pelos insumos está favorável ao produtor este ano, porém abaixo da média histórica no Paraná e em Mato Grosso. A análise considera os sete insumos acompanhados pela consultoria Datagro: fertilizantes, ureia, semente, calcário, óleo diesel, herbicidas e colheitadeiras.

Ainda de acordo com o levantamento da Datagro, a relação de troca, que é o comparativo entre o preço do grão por saca (60 kg) e as cotações dos insumos, tem apresentado, neste ano, no Estado do Paraná, resultado favorável, ficando abaixo da média dos últimos dez anos. No caso de Mato Grosso, maior produtor nacional de soja, a relação de troca também tem resultado positivo ante a média dos últimos cinco anos.

CBN Curitiba, 04/11/2020

Fonte da Imagem: Pixabay