Mercado

Presidente do México anuncia reativação da planta Fertinal

O administrador de Baja California Sur, da União Nacional dos Trabalhadores Mineiros, Metalúrgicos e Similares da República do México, Tomás Hernández Castillo, celebrou o anúncio feito na terça-feira pelo presidente Andrés Manuel López Obrador em sua coletiva de imprensa. Nesta, falou-se sobre as opções para resgatar a indústria nacional de fertilizantes, que incluiria a fábrica Fertinal em San Juan de La Costa, seja por meio de investimento público, venda ou associação com uma empresa privada.

“O que queremos é que o investimento compre equipamentos e peças de reposição para que a empresa possa continuar, seja pelo governo, seja por empresários honestos ou por uma figura associativa”, disse o líder da mineradora, ao mesmo tempo em que apoia o sindicato, a gestão de López Obrador, a quem definiu como “mais próximo do povo”.

Ele explicou que em San Juan de la Costa existem duas fábricas e que, de acordo com o plano de trabalho preparado pelos gerentes para continuar operando, a produção foi reduzida em cerca de 30%, o que é suficiente para atingir a meta anual de 2019, pouco menos de um milhão de toneladas de fosfatos, um elemento básico para a produção de fertilizantes.

A fábrica de San Juan de la Costa se encontra em má situação financeira após a administração de Enrique Peña Nieto.

Elsudcaliforniano 19/06/2019