Mercado

Alemã K+S investe 2,4 bilhões de euros no Canadá

A fornecedora de fertilizantes alemã K+S afirmou nesta terça-feira que seu conselho de fiscalização aprovou o investimento de € 2,4 bilhões no Canadá para produzir cerca de 2,86 milhões de toneladas de cloreto de potássio por ano até 2023, apostando na crescente demanda global. No início do ano, a K+S adquiriu a companhia canadense de exploração e desenvolvimento Potash One, com diversas licenças de mineração atrativas, inclusive o projeto Legacy de potássio.
O objetivo da empresa é se expandir depois de alcançar o limite da capacidade de produção na Alemanha. O projeto Legacy está perto de ser aprovado, mas como a mina ainda precisa ser construída, a produção é prevista apenas para 2015. A produção anual da K+S deve totalizar cerca de 2 milhões de toneladas até 2017, mas o objetivo é alcançar 4 milhões de toneladas no longo prazo. As estimativas de produção são mais otimistas do que as anteriores, que envolviam mais de 2,7 milhões de toneladas.
O investimento também deve ser maior do que os US$ 2,5 bilhões esperados. A K+S planeja investir cerca de € 40 milhões neste ano em infraestrutura e perfuração. Em setembro, a K+S afirmou que pretende financiar o projeto Legacy com liquidez já existente, com o fluxo de caixa esperado nos próximos anos e com linhas de crédito também existentes. A companhia destacou que, apesar do investimento, vai aderir ao índice de pagamento de dividendos de 40% a 50% do lucro ajustado após impostos. As informações são da Dow Jones.

Agência Estado, 29/11/2011