Análises

Importação de fertilizantes bate recorde em 2020

No ano de 2020, a importação de fertilizantes totalizou 29,4 milhões de toneladas, volume 11% superior às 26,4 milhões registradas em 2019. Três produtos se destacaram pelos recordes de importação, sendo os maiores volumes dos últimos 5 anos.

A importação de Ureia foi 28% superior em 2020 em relação ao ano anterior, com 6,8 milhões de toneladas. Para o MAP foram registradas 4,8 milhões de toneladas, volume 25% acima do total de 2019. E para o Cloreto de Potássio, o volume importado em 2020 de 11,4 milhões de toneladas é 12% superior ao ano anterior e representou 39% do volume total de fertilizantes importados, sendo um dos produtos com maior dependência do mercado internacional devido à baixa produção interna.

Os preços da maioria dos fertilizantes que começaram apresentar queda em 2019, influenciados pela menor demanda de países consumidores chave, como Índia, China e EUA, continuaram caindo durante o ano de 2020 devido aos diversos impactos da pandemia.

Em contrapartida, os preços das commodities agrícolas tiveram uma valorização esse ano, principalmente para os produtores que negociaram em dólar para o mercado internacional. Com o aumento das exportações e negociações com o dólar alto, os produtores aproveitaram para comprar fertilizantes e até antecipar compras para as próximas safras, ocasionando em maiores volumes de importações, principalmente no segundo semestre, cujo volume importado foi 13% superior à primeira metade do ano.

Equipe Globalfert, 08/01/2020.